Justiça mantém prisão preventiva de Joaquim Bananeiro, que já foi conduzido ao presídio Major Zuzi

REGIME FECHADO

0

Da Redação – Ezio Garcia

O MM Juíz de Direito da Comarca de Campinápolis, Dr. Ítalo Osvaldo Alves da Silva, manteve a prisão preventiva expedida contra o ex-prefeito de Campinápolis, Joaquim Matias Valadão, o Joaquim Bananeiro.

A audiência de custódia foi realizada na tarde desta terça feira, 07, em Campinápolis. Com a decisão, Joaquim foi conduzido ao presídio Major Zuzi, em Água Boa, onde responderá ao processo em regime fechado.

A informação foi repassada pelo delegado de polícia civil de Nova Xavantina, Dr. Raphael Diniz Garcia, que participou das negociações para que Joaquim se apresentasse espontaneamente nesta segunda feira, 06.

A PRISÃO

O ex-prefeito se apresentou na delegacia da polícia civil de Campinápolis nesta data. para o cumprimento do mandado de prisão expedido em junho de 2016, calcado em irregularidades cometidas no mandato exercido entre os anos 2000/2004, segundo consta nos autos, por dispensa indevida de licitações.

Por este motivo ele era considerado foragido da Justiça, até que as negociações com os policiais civis culminaram com sua apresentação espontânea na última segunda feira.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here