Adesões à campanha 40 incomodam adversários, que plantam matérias em site de Cuiabá

ELEIÇÕES 2020

0

Da Redação – Ezio Garcia

Não bastasse o site de Barra do Garças – Notícias dos Municípios – dar seus pitacos desinformados sobre a política de Nova Xavantina, agora é a vez da capital do Estado entrar no comboio da falsa informação, e, através do site “Muvuca Popular”, um inexpressivo site da capital, publicar matéria totalmente fora do contexto da realidade política local.

Com o título “Políticos renomados colocam em risco suas biografias ao apoiarem João Bang”, o texto acompanha a desinformação generalizada propositadamente plantada na mídia regional e do Estado, com o objetivo claro de desconstruir a imagem do candidato majoritário da coligação “Unidos por Nova Xavantina” João Bang (PSB), que tem como candidato à vice, o agropecuarista Pedro Neto (Podemos).

FAKE NEWS

Mesmo sem ter sequer visitado o município nos últimos anos, o articulista do “Muvuca” sustenta que, “conversas de bastidores e das redes sociais”(?), dão conta que  a adesão à campanha 40 do prefeito João Batista Vaz da Silva, o Cebola e a do ex-prefeito Gercino Caetano Rosa, deporiam contra a biografia dos dois líderes do município, anotando que Cebola seria “um declarado candidato a deputado federal”, e que Gercino teria dito que Bang “tem muito o que aprender”, no ato público de adesão à candidatura de João Bang no último dia 14.

O prefeito Cebola nunca se declarou candidato à nenhum cargo eletivo após dezembro de 2020, apenas é instado a ser candidato à deputado estadual, situação à qual nunca se pronunciou.

E quem esteve no ato de adesão do ex-prefeito Gercino á candidatura de Bang no último dia 14 não ouviu o que saiu na matéria, e sim, os motivos que o levaram a apoiar João Bang, que são honestidade e seriedade no trato com o dinheiro público e “habilidade”para atrair recursos para o município.

DESINFORMAÇÃO

Entre outras desinformações e inverdades, a matéria se esforça para colocar o candidato majoritário da coligação 40 como vereador de oposição à administração municipal na gestão João Cebola.

O articulista só se esqueceu de dizer que o vereador Bang, como presidente da Câmara em total sintonia com o Poder Executivo,  devolveu R$ 960 mil economizados dos repasses mensais da Câmara para a Prefeitura, para serem aplicados na Saúde, Educação e Segurança. E não citou por desinformação ou negligencia, que em março de 2019 estavam juntissimos na candidatura de Bang à presidência da Ucmat.

SEM ÉTICA

Por fim o “Muvuca” ataca a família do candidato, algo desrespeitoso e fora de qualquer princípio ético, moral e religioso, que não merece sequer comentários, por faltar totalmente com o respeito à memória daqueles que já se foram, e que por pura maldade ou prática da velha política, o site quer associar os possíveis lados negativos dos mortos (“Não julgueis para não serdes julgados” (Jesus Cristo), às ações dos vivos, que aí estão lutando pela vida. Sem comentários.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here