Polícia Civil de Nova Xavantina prende candidata à vereadora da coligação 25 por compra de votos

ELEIÇÕES 2020

0

Da Redação – Ezio Garcia

Uma denúncia encaminhada à Delegacia de Polícia Civil de Nova Xavantina na tarde deste sábado, 14,  resultou na prisão da candidata à vereadora C.M.F., da coligação “Mais Saúde, Emprego e Desenvolvimento”.

Segundo o delegado, Dr. Raphael Diniz Garcia, a acusada foi presa em flagrante, após os policiais confirmarem com uma eleitora,  que acabara de receber uma cesta básica mediante a promessa do voto na candidata no pleito deste domingo.

CRIME ELEITORAL

“A moradora confirmou que a “doação” foi feita mediante a promessa de voto. Isto é crime previsto no artigo 299 do código eleitoral, cuja pena é de 01 à 04 anos de reclusão” disse o delegado.

Levada para a delegacia, foi arbitrada uma fiança no valor de R$ 2 mil, que foi paga e a candidata liberada, para responder o processo criminal em liberdade. Na ocorrência a candidata foi assistida pelo advogado da coligação, Dr. Welton Magnone.

Dr. Raphael disse que outra denúncia que está sendo apurada, é sobre um abastecimento ocorrida “numa carreata no período da manhã, em tese ilegal, estamos apurando” adiantou o delegado.

ÚLTIMO DIA

Segundo delegado, o último dia campanha foi bastante movimentado na delegacia. Pela manhã, aconteceu a carreata da coligação 12, que somou, segundo contagem feita por diversos contadores, 149 carros, e à tarde, saiu a carreata da coligação 25, segundo estes mesmos contadores, mobilizou 348 carros.

A entrevista com Dr. Raphael Diniz Garcia sobre a ocorrência de prisão por compra de votos, será exibida neste domingo, em edição extraordinária, na programação da Rádio Rezende FM. Acompanhe!

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here